Nossa História

         Gostaríamos de começar esta carta contando um pouquinho da história de um SONHO que se realizou. Sonho esse que começou em 1989, em cima da casa de nossos pais e com todas as dificuldades possíveis. No entanto, nada disso nos impediu de alcançarmos nosso objetivo: construir a melhor ESCOLA da região. Na época, éramos somente duas educadoras, não tínhamos a visão administrativa de uma escola e eram muitas as adversidades: começando pelo mobiliário, que era precário. Nosso pai fez os primeiros bancos de tábuas para que os alunos pudessem assistir às aulas e, em pouco tempo, mais alunos foram chegando. Houve um dia em que foi necessário improvisar tijolos e uma tábua por cima para que eles pudessem se sentar. Tudo era muito simples, contudo o ensino era de qualidade e, com a ajuda de DEUS e dos PAIS que acreditaram em nosso trabalho, seguimos em frente com muita determinação, pois sonhávamos em conjunto e a realidade começava a surgir. Assim que foi aberta, nossa escola recebeu o nome de Jardim Escola Maria Fumaça e ela contava com apenas duas turmas de Educação Infantil e duas do Ensino Fundamental. Em 1990, construímos mais três salas, demos entrada ao processo de autorização para o funcionamento junto à Secretaria Estadual de Educação, avançamos com mais outras turmas e, nesse ano, ganhamos a autorização da Secretaria Estadual de Educação para funcionarmos com a Educação Infantil e Ensino Fundamental I. A escola crescia num espaço físico adaptado. A partir de então, o Maria Fumaça suspirou e sonhou com instalações novas, mais amplas e funcionais, criadas especificamente para favorecer seu desenvolvimento e para atender ao objetivo da educação de qualidade com formação cidadã. Assim foi que, em 1993, adquirimos uma área para a construção da nova escola e também implantarmos o segundo segmento do Ensino Fundamental.

          O ano seguinte (1994) foi muito difícil, pensamos até em desistir tamanha eram as dificuldades. Necessitávamos regularizar a situação de cada funcionário e não podíamos continuar do jeito que estava. Então, fizemos uma reunião com todos os pais para informar a situação da escola, visto que os professores não permaneciam conosco por falta de condições trabalhistas e isso prejudicava o aprendizado das crianças. A intenção era ter funcionários efetivados com todos os seus direitos e, para que isso ocorresse, tínhamos que reestruturar a parte administrativa da escola. E, mais uma vez, com a ajuda de todos, isso foi possível no ano seguinte (1995), propiciando à direção da escola um grande alívio e muito mais segurança e perseverança para continuarmos. Muito ainda estava por ser feito. O ponto de partida foi dado neste mesmo período com o início da construção do novo prédio, na Rua Pastor Sílvio Lopes. Até então, apenas com a Educação Infantil e o 1º segmento do Ensino Fundamental (1º ao 5º Ano). Percebemos também que era chegado o momento de abrir a escola para o 2º Segmento (6º ao 9º Ano). Iniciamos apenas uma turma de 6º Ano, com 12 alunos em 1996. A escola continuava a crescer e, após recebermos várias sugestões, o Jardim Escola Maria Fumaça passou a ter como nome de fantasia o CER – CENTRO EDUCACIONAL RENASCER. 

        Segundo a nossa mãe, “uma topada ajuda a caminhar” e nós vivenciamos esse aprendizado bem no meio da obra da escola nova, quando descobrimos que o terreno no qual estávamos construindo não era o nosso. O antigo proprietário nos vendeu o terreno cinco, mas apresentou, na hora da concretização da venda, o terreno seis como se fosse o cinco.  O que fazer? Parar a obra? O dinheiro mal dava para pagar as despesas, quanto mais para adquirir o outro terreno. Estávamos diante de mais um desafio: começar a construção da estaca zero no terreno que de fato era o nosso ou comprar o outro terreno e dar continuidade à construção. Foram dias difíceis! Porém, com a ajuda de Deus, os nossos maridos, a nossa equipe, os pais e alunos, nos encorajaram e através de um financiamento conseguimos comprar o terreno que estava com a construção em ponto de laje. 

      Que alívio! Podíamos respirar um pouco mais tranquilas! Isso foi em agosto de 1997, mas tínhamos pela frente mais um desafio: dar continuidade à obra que estava parada com a colocação da laje e finalizar a construção para recebermos os alunos para o ano letivo de 1998. 


        Minha irmã Marli e eu trabalhávamos muito. Éramos ajudantes de pedreiros, enchíamos carrinhos de areia, massa e rejuntávamos pisos. Era uma loucura. Todos que olhavam a escola falavam que não conseguiríamos estar no prédio novo para o início das aulas, mas nós acreditávamos no sonho e, esse sonho se materializou no dia 09 de fevereiro de 1998, pois com muita alegria, o prédio foi inaugurado. Já se vão praticamente 30 anos de histórias, de sonhos e de emoção, pois trabalhar com educação é um desafio a cada dia. Muitas foram as conquistas, como a nossa aluna Jaqueline Guimarães que foi a primeira colocada para a primeira turma do Curso de Metrologia no INMETRO e também vários alunos aprovados para o Colégio Pedro II, IFRJ e faculdades públicas. Este ano, ficamos novamente com a medalha de Bronze competindo com as melhores escolas do Rio de Janeiro na Olimpíada Brasileira de Geografia e Ciências da Terra.

       Nós sabemos que nem sempre é fácil dar o primeiro passo, mas sabemos que é possível superar o desafio. Continuamos sonhando com um amanhã melhor e, por isso, fazemos do CER uma escola família, onde o nosso diferencial é o ensino de qualidade baseado no AMOR e nos valores éticos universais. 

Convidamos a você e a sua família a fazer parte desse sonho que se chama Centro Educacional Renascer.

Atenciosamente,

 


Professoras Marli e Teresinha